08/09/11

Revolución escrita: Aryan brothers












  • Introducción:



Una nueva habilidad pretendo desarrollar gracias a  esta novela por entregas o en fascículos escrita en castellano, así que la ofreceré libremente desde mi blog hasta que la termine. 
Hago saber que cualquiera puede ayudarme en el desarrollo de la trama que vincula a tres jóvenes personajes que daré a conocer brevemente en el futuro

=> Personaje: ♀ de etnia Eslava ...

=> Personaje♂ de etnia Aragonesa ...

=> Personaje: ♂ de etnia Gallega ...
Para facilitar a los interesados pondré algun aviso cuando aparezca alguna Novedad con respecto a mi proyecto. Como este post y el escrito aun se encuentra en construcción no tiene porque seguir un orden Cronológico fijo ni una única continuidad exclusiva de los personajes. 
Así que lectores paciencia y disfrutar con las aventuras que os ofrezco.


Este nuevo proyecto ha sido publicado el 09/09/2011








                                                                                          ARYAN BROTHERS ©




© Se autoriza a reproducçom de todo dado sempre que se me cite ademais de por um enlace com minha fonte original.

4 comentários:

Ogro disse...

A quem os revisionistas acham que enganam???
A palavra Ariano foi uma invenção moderna a partir da palavra sânscrita Arya. Arya de acordo com os Vedas significa ama pessoa pura, honrada, que conhece os valores da vida. É uma designação moral, ética e até religiosa e não uma designação de etnia ou racial. Desse modo indivíduos de diversas classes sociais, etnia poderiam ser Aryas, é uma espécia de adjetivo. Entretanto no século 19 os europeus "descobriram" os Vedas, textos milenares escritos em sânscrito. Essa língua supera o grego e o latim em perfeição gramatical, é uma língua muito sofisticada e poética ( muito mais que as nossas línguas modernas como português, alemão etc). A política do Neocolonialismo europeu do século 19 era a de rebaixar, deconstruir as culturas dos povos dominados para assim a subjugação cultural abrir caminho para a subjugação econômica. Eles empreenderam grandes esforços para deconstruir os textos védicos em várias frentes. Por exemplo há a astronomia védica, medicina, cosmologia, metafísica ( espiritualidade), religiosidade. Diversos acadêmicos e estudiosos da época, a "serviço" do neocolonialismo europeu, de uma fora ou de outra, atuaram nessa tentativa desconstrução da conhecimento védico, a idéia era colocar todo o conhecimento da Índia como forjado, fantasioso e atrasado. Entretanto , no que diz respeito a gramática isso fica um pouco mais difícil de fazer, já que as leis que regem uma gramática podem fazer uma língua mais sofisticada ou não ( por exemplo o inglês, que tem poucas conjugações, fazendo com que o maior número de conjugações do português seja um fator mais sofisticado). Então eles inventaram nessa época uma teoria de que os Arianos não verdade era uma etnia que invandiu a India antiga em épocas remotas trazendo um conhecimento avançado. Esses Arianos seriam os mesmos fundarores de todas as nações da europa e oriente médio, já que a língua da europa até a índia é similar, deixando claro que eles partiram de uma língua mãe. Aí a questão é política, porque se havia uma língua mãe, uma civilização mãe, certamente que eles não poderiam considerar que essa fosse da Índia, local que eles estavam tentando dominar e portanto deveriam rebaixar a cultura daquela população. Assim, o meio acadêmico inventou toda uma série de teorias especulativas de que lugar esses "arianos", essa civilização mãe teria vindo. Claro que para eles, deveria ter saído da europa ( ou o eixo adjacente), e havia acadêmicos caucasianos que propunham que esse povo havia saído da finlândia, alemanha e etc.Cada uma queria dizer que essa cvilização-mãe havia saído do seu país. Contanto em uma coisa todos "concordavam" ,ela não poderia ter saído da Índia, isso era era inaceitável, já que eles , os europeus julgavam ser os superiores em forma física, cultura, intelecto etc. Entretanto ficou os resquícios dessa teoria dos Arianos até hoje e Hitler se usou dessa idéia dizendo que eles haviam saído da alemanha, portanto a alemanha era uma civilização pura, inicial etc.
Hitler e seu bando usaram todo uma gama de conhecimento esotérico de diversas tradições, inclusive da indiana. Eles espuculavam e pervertiam tudo de modo absurdo. O maior exemplo é que eles inverteram a suástica, que nos Vedas é um símbolo que significa paz e Deus, e eles invertendo deram um significado invertido de guerra.
Resumindo, Arya é uma palavra sânscrita que significa um homem que conhece o valor da vida. A Europa se apropriou desse termo para inventar teorias que se encaixavam na política neocolonialista.

Aristócrata disse...

-Se os revisionistas tiverán algunha vantaxe economica ou social poderías ter razóns mais e uma questión de honradez moral, mais certos empresarios podelhe fastidiar o negocio que de sufrimento exclusivo.

-Os Vedas foron uma tribu Indoeuropeia/caucasica/branca que invadiu a india, e os Arios eran a clase mais alta deles. Geneticamente esta demostrado, que tenhen genes "europeios".
Nom entendo que ten que ver as origens dos europeios com o Imperialismo Britanico. A cultura inferior que tinhan daquela nom era por culpa dos Europeios, historicamente tiveron moitas invasións, guerras, etc ...
E se tiveras certos conhecemento doutros povos nom lhe recriminariaslhe os Europeios pensar que son os milhores porque os Chinos, Arabes, Pigmeos pensan e saben que son os milhores. Só que o diga um branco e perigoso para os governantes porque saben que eses brancos serán os que os leven a carceré por criminosos.

-As suásticas eran simbolos típicos de Alemania, nom tinhan nada de esotérico nem friki e como os debuxos nas pedras de Galiza, nada novo para os "nativos".
E resumindo: America tem uma visión do mundo incompativel com a de Euro-Siberia logo coido que se respeitas aos povos deberias reflexionar teus plantexamentos.

-O neocolonialismo apoiase no cristianismo que ia a extender a fé em Deus polo mundo o racismos, discrimina ao mundo logos ó colhe os Arios e NENGUN MAIS. O cristianismo e imperialista ao igual que o Capitalismo, pero se conheces a origen do Capitalismo e já sabes de onde vem.

-O colonialismo e multi-racial o Socialismo uni-racial

OBIERZO disse...

Etnia aragonesa?

Aristócrata disse...

Me gusta siempre lo controvertido...

Que mejor que estar a caballo de dos culturas para plasmar esa inestabilidad cultural que define el "buen Español castellano parlante"